Pular para o conteúdo principal

Antes que me abandones...

Antes que tu me abandones quero dizer que desde o começo foi sempre amor. Desde os dias de carnaval deitados em uma cama de solteiro desarrumada até o dia das brigas mais exaltadas. Foi sempre amor. Desde as decisões mais erradas, até as conversas que não deram em nada, foi tudo amor. Desde os presentes mais caros até os DIY. Desde a contagem das moedas para ir ao cinema até os planos para uma viagem internacional. Desde os festivais juntos até a recusa de convites irrecusáveis.

Antes que tu me abandones quero que saibas que o mundo faz tanto sentido quando sinto tua mão tocar a minha. Que o sorriso ao teu lado é sempre sincero, assim como os bicos ou as caras fechadas. Que o ciúme é só uma forma de medo, uma forma insegura de solicitar a tua estadia. Estadia que desejo ser eterna. Crio planos, faço juras, imagino o futuro. Decoração de casa, carros, viagens, família.

Antes que tu me abandones quero pedir que mostre os teus sentimentos, se ainda existe algum. Se vire do avesso. Que me peça desculpas pelos “eu sei” quando eu disse que você abusava da minha boa vontade. A tolerância chega a um limite, mas tu sempre abusavas. As brigas eram sempre sem motivos. Eu era sempre egoísta, mas sempre renunciava tudo pela sua companhia. E sempre acabava em casa sozinho pela sua razão. Racional não é sinônimo de insensível. Mas sofrias calado esperando que eu adivinhasse. É difícil se colocar no lugar do outro quando o outro não se mostra.

Antes que me abandones quero pedir desculpas por qualquer dano que eu possa ter feito. De algumas brigas, me arrependo. De algumas provocações, me arrependo. De algumas cobranças, me arrependo. Sei que não sou impecável, mas sou uma pessoa tentando fazer o melhor não só para mim, mas para nós dois. Se as intenções contam, elas sempre miraram no bem estar e na manutenção duradoura deste relacionamento, na maioria das vezes, saudável. Não podes dizer que não fui sincero. Me mordia querendo te contar todo o meu dia, todos os detalhes, te queria fazendo parte de todos os meus momentos, assim como queria fazer parte de todos os teus. Não te escondia nada, nenhum detalhe, por mais desnecessário que fosse. Talvez tenha sido até, inocentemente, chato.

Antes que me abandones quero que pense em tudo o que passamos, em tudo o que planejamos passar.

Antes que me abandones te peço... não.

Comentários